MÃE DE ALUNO DENUNCIA PÉSSIMAS CONDIÇÕES DE ENSINO DA REDE MUNICIPAL DE SOLEDADE


O ano letivo dos estudantes das escolas Municipais de Soledade está apenas na metade, e, ao que parece, a Prefeitura não oferece as mínimas condições para o calendário escolar 2017. A atual fragilidade da base educacional de Soledade é o resultado da falta de planejamento da administração municipal – em que o prefeito Geraldo Moura (PP), prefere fazer de conta que está tudo bem.

No começo do ano letivo as escolas do Município enfrentaram a  falta de merenda escolar, e os pais tiveram que ver seus filhos sendo liberados mais cedo. Agora, a situação de precariedade aumenta, e segundo uma mãe de aluno, a Escola Maria do Carmo não tem, se quer, papel de ofício e os professores estão tendo que comprar do seu bolso para não prejudicar o ano letivo.

A conclusão que se tem é que o prefeito Geraldo Moura não visitou e nem visita a rede pública municipal, pois, pensando do ponto de vista coerente, ele em contato com a triste e decadente realidade dos espaços escolares – não permitiria esse descaso ou será que permitiria?

Postagens mais visitadas deste blog

PARÓQUIA DE SANTA ANA DIVULGA PROGRAMAÇÃO DA FESTA DA PADROEIRA

TJPB NOTIFICA MUNICÍPIO DE SOLEDADE PARA REGULARIZAR PAGAMENTO DE PRECATÓRIOS