PREFEITURA DE SOLEDADE COBRA R$ 350,00 POR BARRACA JUNINA



A avareza do Prefeito de Soledade, Geraldo Moura (PP), por dinheiro, não tem ficado restrito apenas ao aumento do IPTU, reajuste da contribuição da taxa de iluminação pública e nem à criação do DEMUTRAN quando, na época, segundo a oposição, e antes da emenda do Vereador Leleto em que excluía as multas do texto da Lei, o intuito era apenas multar e com isso arrecadar dinheiro. 

A fome por dinheiro vai mais além, e agora, novamente, sobra para o pequeno comerciante que esperava pelo São João para ganhar uma renda extra. É que, segundo relatos de alguns barraqueiros, este ano terão que desembolsar a quantia de R$ 350.00 (trezentos e cinquenta reais) para adquirir as palhoças para comercialização de comidas e bebidas típicas.

Em 2014, época em que Flavinho era Prefeito, os comerciantes que foram contemplados através de sorteio, não tiveram nenhum custo para instalar sua barraca, e, diga-se de passagem, foi um excelente São João com muita organização e várias bandas de renome, resgatando e trazendo para Praça a festa mais popular do município. Nesta época, diferentemente do grupo Gouveia, o soledadense não precisou pagar para assistir aos shows em praça pública.

 FOTOS DO SÃO JOÃO DE 2014






Postagens mais visitadas deste blog

Prefeito de Soledade baixa decreto proibindo funcionários de usar celular durante o expediente.

PROMOTORIA DE SOLEDADE EXPEDE RECOMENDAÇÃO A ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS SOBRE PROIBIÇÃO DA VENDA DE BEBIDA ALCOÓLICA A CRIANÇAS E ADOLESCENTES