PREFEITURA DE SOLEDADE GASTA 80% A MAIS PARA COMPRA DE SALSICHA







Foi identificado em 14 de 20 itens presentes na ata de registro de preço, à exceção da carne de bode que estava em falta, da licitação 00003/2017, modalidade pregão presencial tipo menor preço, que objetiva contração de empresa para fornecimento de carne uma evolução dos valores acima dos praticados no varejo, onde normalmente, os valores ( ver planilha abaixo) são maiores do que no atacado, em Soledade. Alguns produtos, como é o caso da salsicha, o quilo chega a custar 80% mais caro do que os preços de alguns supermercados.

A modalidade de pregão, seja eletrônico ou presencial, tem a característica de reduzir sensivelmente os preços estimados no edital, tendo em vista a disputa normal entre os participantes.

A lei que rege os preços diz que é obrigação do pregoeiro negociar com a empresa vencedora do certame, uma redução a níveis de preço de mercado, caso o preço vencedor seja considerado acima dos praticados normalmente. 
 
 Como a disputa era por itens, o pregoeiro poderia ter negociado a redução por item, em separado, para buscar sempre o menor preço.

Percebe-se que não existe crise na Prefeitura de Soledade,haja vista que, recentemente, a Prefeitura fez uma licitação para gastar com propaganda no valor de R$ 600.000,00 ou falta treinamento para os profissionais do Departamento de Compras ou realmente não há interesse do atual Governo em reduzir os custos para o erário municipal.

A reportagem reserva-se o direito de não revelar o nome da empresa vencedora nesta matéria pois entendemos que a empresa, a princípio, não tem culpa se não houve interesse da prefeitura em reduzir os preços. 
 
Falta interesse em reduzir custos

Chegamos a conclusão, portanto, que faltou a iniciativa do Departamento de Compras da Prefeitura em buscar os valores praticados no mercado, seja no varejo ou atacado, e buscar a melhor negociação possível para o município. Caso isto não fosse possível, pois a empresa não é obrigada a baixar os preços, poderia então revogar o pregão mediante o interesse público, preconizado amplamente na legislação que rege as licitações brasileira.




Postagens mais visitadas deste blog

PARÓQUIA DE SANTA ANA DIVULGA PROGRAMAÇÃO DA FESTA DA PADROEIRA

TJPB NOTIFICA MUNICÍPIO DE SOLEDADE PARA REGULARIZAR PAGAMENTO DE PRECATÓRIOS